Retrospecto do Jogo – Cruzeiro 1 X Boca Juniors 2 – 30/04/2008.

Cruzeiro X Boca Juniors – La Bombonera/2008 – 30/04/2008. Resenha do Jogo (Resumo).

De duas uma, ou o técnico (novato) Adílson Batista é o novo gênio do futebol brasileiro, em armação tática, ou é tão inocente que não consegue interpretar regras básicas do futebol.

De quem foi a culpa da derrota ? Inicialmente dos jogadores, mas a meu ver o técnico escalou o time de forma totalmente errada. Fabrício vinha de contusão e a vaga era do Jadilson, que teve boa participação no jogo contra o Galo e vem em ascensão, apóia muito bem o ataque. Jadilson melhorou sensivelmente o resultado de seus cruzamentos, que antes não conseguia acertar o cento da área adversária. Evoluiu nos últimos 4 jogos. E olha que não fui fã de seu futebol.

Ainda não entendi porque ele não escalou um time semelhante ao que goleou o Atlético no domingo. Também não ficou muito claro porque Ramires, que tem forte característica de armador e atacante, foi deslocado para a lateral direita.

O time criou espaços para que Riquelme e Gonzales aproveitassem da nervosia da defesa cruzeirense e trazesse perigo para o gol de Fábio.

Ficou evidente que os jovens jogadores cruzeirenses sentiram as hostilidades da torcida do Boca. Faltou experiência e comando na equipe para que fizessem a filosofia básica de tocar a bola. Wagner, onde você esteve ? Houve muitos erros de passes.

Mas com todas as dificuldades encontradas, o saldo foi positivo e uma vitoria simples ou placar superior com diferença de 2 gols nos dará a classificação em Belo Horizonte, 7 de maio de 2008. Local Mineirão.

Recado ao Guilherme. Amigo, você é um craque. Assumi suas características. Marcinho, você está abaixo da critica. Fabrício, aprecio o teu futebol, mas você não estava em forma suficiente para este jogo. Aí você vai e marca aquele gol salvador. O que posso te responder ? Futebol é assim. Parabenizou os jogadores, mas acho que faltou a cada um deles, o sentimento de superação, que os permitisse ir além do fraco time do Boca Juniors.

Estou ainda com o Tecnico Adílson Batista, solidário em suas atitudes, mas acho que precisa rever a forma e a armação do time para os proximos jogos. Credito a ele a derrota do Cruzeiro para o Boca Juniors, nesta noite.

Para completar, o Juizão deixou de dar um pênalti claríssimo para o  Cruzeiro, no primeiro tempo, quando ainda estava 1 X 0 para o Boca. O Segundo gol do Boca, marcado por Dátolo, o mesmo recebeu a bola em condição de impedimento, não marcado. Vamos deixar o choro para lá.

Boca Juniors 2, Cruzeiro 1 (placa justo).

FICHA TÉCNICA FINAL

Público: não informado
Renda: não informada
Gols: Riquelme, aos 6 min do primeiro tempo; Dátolo, aos 19 min, e Fabrício, aos 32 min do segundo tempo.

Boca Juniors
Caranta; González, Maidana, Cáceres e Monzón; Vargas (Chávez), Battaglia, Dátolo (Ledesma) e Riquelme; Palácio e Palermo
Técnico: Carlos Ischia

Cruzeiro
Fábio; Charles, Thiago Heleno, Espinoza e Marquinhos Paraná; Henrique, Fabrício, Ramires e Wagner (Marcinho); Guilherme (Jonathan) e Marcelo Moreno
Técnico: Adilson Batista

Cartões amarelos: Henrique, Wagner e Jonathan (Cruzeiro); Vargas (Boca Juniors)

Fernand koda

Deixe um comentário

Arquivado em Esporte, Futebol

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s