A Nação Azul está de Luto – Retrospecto do Jogo – Cruzeiro 1 X Boca Juniors 2 – 07/05/2008.

Cruzeiro X Boca Juniors – Mineirão – 07/05/2008. Resenha do Jogo (Resumo).

Olha, faltou espírito de vencedor. Faltou maturidade, Faltou experiência. Da equipe e de seu técnico, Adílson Batista.

Faltou o líder em campo. E ainda não sei responder por que o Ramires jogou de lateral esquerdo apoiando o Wagner de ala esquerda. Não deu para entender que esquema foi essa, lançado pelo técnico Adílson Batista. Ramires têm maior aproveitamento e talento para volante ou armador.

E tenho que aceitar, o que é pior ainda, admitir que o time do Boca Juniors, que jogou com aplicação tática e futebol bem superior ao do Cruzeiro, transformando o sentimento de 70 mil pessoas, em meras ilusões. Para mim foi melhor assim, do que sofrer lá na frente. Foi melhor queimar com o Boca, do que morrer enganado.

O Cruzeiro não tem time para ser campeão da Libertadores, muito menos brasileiro. Precisamos urgentemente de meio de campo oficial e um beque mais seguro na defesa. Defesa essa, que é fraca no apoio e na marcação. Admirava Espinoza. Hoje tem aversão e medo quando pego na bola.

Ainda digo que faltou algo fundametal, que a diretoria do clube precisa rever : Preparo físico. Morreram em campo na altitude de 800 mts. Pode ???

Pensei ainda que ia “queimar a língua, pois era o dia do Apodi”, de quem não admiro seu futebol. Queimei nada.

Merecemos o lugar que estamos ? Nenhum ?

Pode ser.

Faltou vergonha, faltou respeito, faltou amor ao clube.

De luto está, a nação cruzeirense.

Não tive vergonha de ser cruzeirense mas tive vergonha de ver o time apático, fraco e combalido que se encontrou em campo, na pele de um Wagner (seleção), de um Ramires (seleção), de um Moreno (matador).

Sentia que era o jogo do Guilherme (que sempre defendo), mas que não se encontrou em Campo.

Cadê o Charles ? Quem foi um tal de Fabrício ? Cadê o estrategista Adilson ?

Não os vi no Mineirão. Vergonha azul estrelada.

Boca Juniors 2, Cruzeiro 1 (placa justo).

FICHA TÉCNICA FINAL

Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 07 de maio de 2008, quarta-feira
Horário: 19h10 (de Brasília)
Árbitro: Carlos Chandía (Chile)
Assistente: Cristian Julio e Julio Díaz (ambos do Chile)
Público e Renda : 61.471 pagantes e R$ 987.415,00
Cartões amarelos: Ramires, Andrei, Marcinho, Thiago Martinelli (Cruzeiro); Maidana, Vargas, Caranta (Boca Juniors).
Cartão Vermelho : Ramires (Cruzeiro)

Gols :

CRUZEIRO: Wagner, aos 11 minutos do segundo tempo. BOCA JUNIORS: Palácio, aos 36 minutos; e Palermo aos 44 minutos do primeiro tempo.

 

 

 
CRUZEIRO: Fábio; Marquinhos Paraná, Espinoza, Thiago Heleno e Jonathan (Apodi); Fabrício, Ramires, Charles (Henrique) e Wagner; Guilherme (Marcinho) e Marcelo Moreno.

Técnico: Adílson Batista.
 

 
 

 

BOCA JUNIORS: Caranta; Maidana, Cáceres, Morel Rodriguez e Monzón; Vargas (Ledesma), Battaglia, Dátolo (Gonzalez) e Riquelme; Palácio e Palermo (Boselli).

Técnico: Carlos Ischia.

 

 

Fernand koda

Deixe um comentário

Arquivado em Esporte, Futebol

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s