Problemas e Falhas do Windows Vista com SP1

O SP1 corrige falhas, mas a melhora no desempenho é discutível.A versão em português do primeiro pacotão de atualizações para o Windows Vista foi liberada esta semana pela Microsoft. O SP1 inclui as correções de falhas distribuídas anteriormente e alguns melhoramentos no desempenho e na confiabilidade. Também traz suporte a novos padrões de hardware. Em geral, trata-se de padrões recém-definidos e ainda não utilizados em produtos comerciais. Um exemplo é o exFAT, sistema de arquivos que deverá permitir o armazenamento de grandes volumes de dados em memória flash.
 
A parte da melhora no desempenho é controversa. No Laboratório da FX Negócios & Informática (Empresa que realizou os testes descritos nesta reportagem), comparamos o mesmo micro antes e depois da instalação do pacote. A Microsoft promete, por exemplo, um ganho de 25% no tempo gasto para copiar arquivos entre diferentes áreas de um disco. No entanto, nas nossas medições, essa operação de cópia ficou 10% mais lenta com o SP1. Outra promessa é o ganho de velocidade na transferência de arquivos via rede local. Também nesse caso, o teste do Laboratório da FX Negócios & Informática (em Belo Horizonte-MG) apontou o efeito contrário a velocidade medida foi 6% menor com o SP1.
 
Mas algumas coisas realmente melhoraram. Pelas nossas medições, houve redução de 10% no tempo gasto para dar a partida no micro. Além disso, alguns aplicativos, como compactadores de arquivos, ficaram mais rápidos. É bom notar que os resultados podem variar conforme a configuração do PC. E ainda não tivemos tempo de repetir os testes com um número maior de micros. Minha avaliação é que pouquíssimos usuários vão notar alguma diferença prática no desempenho depois de instalar o SP1.
 
O Service Pack pode ser baixado por meio do Windows Update. Nesse caso, o sistema baixa apenas os arquivos necessários para aquele PC específico. O tamanho do download começa em 65 MB. Uma versão completa, com 36 idiomas, também está disponível. Com 544 MB, ela é recomendada para instalação em múltiplos computadores, ou em PCs que não têm acesso à internet.
 
Obviamente, um pacote como esse deveria apenas melhorar o sistema. Mas o SP1 também cria novas incompatibilidades. Alguns drivers da Intel e da Realtek, por exemplo, podem deixar de funcionar após a atualização. Esses drivers precisam, então, ser reinstalados. Segundo a Microsoft, o Windows Update verifica se há incompatibilidades no micro. Se houver, a opção de instalar o SP1 não é oferecida ao usuário. Portanto não estranhe se você acionar o Windows Update e não encontrar o SP1 na lista de atualizações disponíveis.

 
Se tiver mais dúvidas entre em contato com a FX, pelo seu Portal www.fxinformatica.com.br

 

Fernand Koda

Deixe um comentário

Arquivado em Business, Ciência, Entretenimento, Informática, Internet, Mundo, Tecnologia, Windows

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s